Notícias

Cabo Verde: Educadores e assistentes educativos da ESAO em formação

Marco Silva e Rita Rosa, Fotografias: SDB ESAO | nov 01, 2018

No início do mês de setembro, antes do arranque do ano escolar, a Escola Salesiana de Artes e Ofícios de Cabo Verde realizou uma semana de formação para professores e assistentes educativos com o objetivo de reforçar a Proposta Educativa Salesiana na Escola. A direção da ESAO prepara-se para retomar o Ensino Profissional.

bs571-cabo-verde-formacao-1

Morabeza. Palavra com sabor a mar, vento quente e cheiro a terra. Palavra recheada de sorrisos, de olhares verdadeiros, de abraços sentidos e da simplicidade de quem recebe com o coração. Foi assim que fomos recebidos de 4 a 10 de setembro na Escola Salesiana de Artes e Ofícios (ESAO), na ilha de S. Vicente, em Cabo Verde.

A equipa de formadores incluiu dois docentes, Rita Rosa e Marco Silva, responsáveis pelas formações de professores e pelas formações para assistentes educativos, e o delegado provincial de Pastoral Juvenil, Pe. Álvaro Lago, que apresentou dois momentos formativos sobre a Proposta Educativa Salesiana e sobre o Sistema Preventivo de Dom Bosco. O desafio era grande: partilhar saberes e experiências em torno da metodologia de projeto e reforçar a proposta educativa salesiana, motivando os docentes a trabalhar em equipa, a criar momentos de aprendizagem significativos que permitam a confluência dos conteúdos de diferentes disciplinas, aproximando a escola da vida dos jovens e contribuindo assim para a sua formação integral. Procurou-se refletir sobre os documentos orientadores da ação educativa, nomeadamente o Projeto Educativo, as relações interpessoais, as inteligências múltiplas e a sua importância na aplicação da metodologia de projeto, à luz da Proposta Educativa Salesiana.

bs571-cabo-verde-formacao-3

O grupo de formandos era constituído por cerca de 30 docentes, de diferentes níveis de ensino e disciplinas, que, com entusiasmo, participaram em todos os momentos formativos e partilharam dificuldades e experiências.

Num outro momento, tivemos a oportunidade de estar com alguns assistentes educativos e técnicos da instituição. Não se tratou de uma formação centrada em conteúdos, mas sim de um trabalho ao nível das relações interpessoais. Ouvimos as dificuldades que sentem no dia a dia e fomos surpreendidos pelos laços que os unem, num momento de grande emoção. Para muitos, a comunidade educativa da ESAO é uma família.

bs571-cabo-verde-formacao-5

Ao longo destes dias de formação intensiva, o Pe. Álvaro Lago acompanhou os formandos em dois momentos, oferecendo à reflexão a Proposta Educativa Salesiana e a perspetiva do “educar e evangelizar” no Sistema Preventivo de Dom Bosco. No final, foi ainda apresentado o tema do ano pastoral das presenças salesianas “Segue-me! Estou contigo” a todos os agentes educativo-pastorais. Um dos objetivos da Província Salesiana é reforçar a valorização do tema como elemento unificador das várias obras.

Conscientes de que há muito trabalho a fazer, continuaremos a acompanhar a ESAO no seu crescimento.

Para além destes contributos didático-pedagógicos, esta missão tinha também como objetivo colaborar com a direção da ESAO nos esforços que está a levar a cabo para retomar o ensino profissional, uma das vertentes estratégicas do crescimento da escola salesiana de Cabo Verde. A direção encontra-se nesta fase a desenvolver os planos de estudos dos cursos de Mecânica e Eletricidade Automóvel e de Energias Renováveis e prevê a sua abertura para breve. Esta via de ensino, em linha com as necessidades profissionais locais e a rentabilização dos recursos naturais da ilha de São Vicente, configura-se como uma alternativa competente para os jovens cabo-verdianos.

bs571-cabo-verde-formacao-4

Resta-nos o agradecimento à Comunidade Educativa e, sobretudo, aos salesianos residentes, padres João de Brito, Belmiro Silva, Gonçalo Carlos e diácono Francisco Almendra que, com simplicidade, alegria e amabilidade, partilharam connosco estes dias, o seu espaço e a sua vida, fazendo-nos sentir verdadeiramente em casa. Ainda um agradecimento ao Pe. Álvaro Lago, nosso parceiro de formação e de aventura. Partimos com a mala cheia para partilhar e regressamos com o coração bem mais cheio com o que recebemos. 




Publicado no Boletim Salesiano n.º 571 de Novembro/Dezembro de 2018