Notícias

FMA: Formação de diretoras de Portugal e Espanha

Ana Carvalho, fma Fotografia: Sintonia | set 04, 2019

Realizou-se, nos dias 10 a 15 de julho, em Madrid, uma formação para diretoras e neodiretoras de Portugal e Espanha.

bs576-fma-diretoras

Nestes tempos que correm, vem-me à mente o pensar do nosso grande cantor da Pátria, Camões, que nos lembra ser a mudança um tema constante no evoluir da humanidade. Diz ele: “Mudam-se os tempos, mudam-se as vontades,/ Muda-se o ser, muda-se a confiança;/ Todo o mundo é composto de mudança,/Tomando sempre novas qualidades”. É recorrente falar-se das alterações que a sociedade vai sofrendo. Muita coisa mudou e muita outra coisa está em vias de mudança. Não é só a técnica a caraterizar o nosso estilo de vida e hábitos. As mudanças são muito mais profundas e não nos deixam imunes.

Perante novos tempos há que repensar novas formas de vida, de ação e de organização. Foi nesta perspetiva que decorreu o encontro formativo das diretoras. Tendo por base as orientações da Igreja, do papa Francisco e do Instituto das FMA, refletiu-se sobre o estilo sinodal como forma de gerar vida. Os objetivos da formação incidiram sobre a preparação de animadoras para os tempos de hoje; a sinodalidade como forma de estabelecer relações na comunidade educativa, e rentabilizar todos os recursos humanos. Apesar do tema não ser novo, há aspetos que se revestem de uma nova roupagem e o acento incide mais no como do nosso agir. Hoje é muito valorizado o trabalho em equipa, juntos, pois as agruras do caminho tornam-se assim muito mais suaves e a partilha facilita a viagem. O individualismo e o egoísmo nunca ajudaram e hoje, são os piores inimigos do viver em comunidade. Há que unir as forças para vencer os obstáculos que dificultam a harmonia do viver em comunidade. Trabalho urgente para as exigências da missão educativa e juvenil.


Publicado no Boletim Salesiano n.º 576 de Setembro/Outubro de 2019